Távola De Estrelas: Soneto Da Agonia

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

Soneto Da Agonia

Postado: Luíz Sommerville Junior On quinta-feira, junho 07, 2012 0 Carinhos de Luxo

Pelo inferno e céu de todo dia,
Há de se ter mais amor, mais compaixão.
Tua ausência me traz essa agonia,
Há de se doar mais, espantar a solidão.

Pelo tédio e melancolia do domingo,
Há de se ter no peito quantos corações?
Se me faltam os teus doces carinhos,
há de se ficar presa como devota em orações?

E se te quero comigo um pouco, há de se pedir?
E se sinto tanto sua falta, é preciso chorar?
E se não sei onde moras, como te procurar?

E se sentes todo esse amor, por que não permitir?
E se me queres mesmo ao teu lado, é para estar.
Não me roube a solidão se não puder me amar!


Daniele Dallavecchia, 060920100024

(Imagem : Edição , montagem e computergraphy
de Luiz Sommerville Junior . Fonte : Google)

0 Response for the "Soneto Da Agonia"

Postar um comentário

Beijinhos