Távola De Estrelas: Por Um Pedaço De Terra - "O Clube Dos Poetas Mortos", III

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

Por Um Pedaço De Terra - "O Clube Dos Poetas Mortos", III

Postado: Luiz Sommerville Junior On domingo, setembro 14, 2014 0 Carinhos de Luxo

O rodopio forte da ventania
naquele lugar sem paternidade
fez desaparecer na atmosfera
as letras do poeta
de seguida ...
a chuva ! implacável !
um caminhante
que por ali passava
sentiu-se loucamente embriagado
pelo aroma irresistível
da terra húmida
e com um largo sorriso no rosto
clamou:
- este é um bom terreno
para semear poemas .


Luíz Sommerville Junior , 221220120023, in Tu Cá, Tu Lá

Reeditado 13-09-2014 18:57:37

0 Response for the "Por Um Pedaço De Terra - "O Clube Dos Poetas Mortos", III"

Postar um comentário

Beijinhos