Távola De Estrelas: Outubro 2015

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

Do Teu verdadeiro Amor

Postado: Daniele Dallavecchia On quarta-feira, outubro 28, 2015 1 Carinhos de Luxo



Nem tudo é como a gente fantasia
talvez saia meio torto o sonho juvenil
ou  melhor do que a mente sonharia
talvez, maldição de família, tormento vil

Mas quando o amor é verdadeiro
Não há paisagismo ou maquilhagem
que distraia os olhos do que é inteiro
e não nos contentamos com miragem

porque a vida nos mostrou numa pancada
beijo santo, perdão sempre e compreensão
quando todos querem de nós a mão fechada
abrimos os braços e da montanha o sermão

porque Ele pescava homens pela bondade
e temos pessoas, de repente ou para sempre
por amor, conquista ou verdadeira amizade

Mas se da Cruz uma lição, aos olhos nos saltou
é que a todos, sem distinção, nosso Pai veemente,
sem perguntas nem respostas, simplesmente amou!

Daniele Dallavecchia