Távola De Estrelas: Louíse

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

Louíse

Postado: Daniele Dallavecchia On segunda-feira, janeiro 18, 2016 1 Carinhos de Luxo



Eu bebo porque é noite de chuva 
e a saudade me agonia
Bebo o trago de amargura 
que faz lembrar a perda da tua companhia
Bebo a noite fria
Bebo o tédio do dia
Bebo porque te perdi
No instante máximo da nossa alegria
E quem poderá me condenar
o cárcere de ter conhecido
Todo o teu eu
e ser feliz
E quem poderá me acusar
De matar-me um pouco a cada dia
só para ter o que na vida
sempre quis....

Daniele Dallavecchia


Categories:

1 Response for the "Louíse"

  1. Ani Braga says:

    Oi Dani querida


    Saudades daqui...
    Lindo seu poema...

    Beijos
    Ani

Postar um comentário

Beijinhos