Távola De Estrelas: De Profundis II

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

De Profundis II

Postado: Luíz Sommerville Junior On quinta-feira, fevereiro 02, 2012 3 Carinhos de Luxo

Vim à vida
como todos os demais
nem diferente
nem igual
sou porque sou

Fui ...
um dia ...
nem diferente
mas igual
a todo e qualquer mortal
fui porque fui

porém, do passado distante
do passado recente
de todos os passados
de passos caminhados
e doutros tantos caminhos adiados
nasceu o dia em que todos os dias
renascem
no amor que me dedicas

Eis(me) que entrego a minha vida
nas tuas carinhosas mãos

Até ...
ao fim dos tempos ...
que é o início de todas as eras
- de luz


010220121042

Com amor

Teu, Jou

Beijo, minha bb! !


Sempre*DS*SD*erpmeS

3 Response for the "De Profundis II"

  1. E Pediste então...
    Ó Riacho de águas puras
    lavai esta terra machucada,
    florescei, frutificai
    das sementes do amor...
    E...
    eis as flores, eis os frutos
    eis a vida...que me dás,
    meu amado.
    Que o verbo que vem da tua boca
    seja Vivo sempre dentro de mim
    e que as tuas mãos celebrem
    todos os dias
    a consumação do nosso beijo,
    selo do amor em nós,
    na vida
    e em Deus.

    Eu te amo, mon bébé.

    Obrigada por ser o sorriso mais doce no meu rosto.

  2. Evanir says:

    Olá,venho deixar meu carinho também saber como vai
    vocês.
    Estou sentindo falta não só das visitas mais
    dos poemas lindos que me enviam.
    Hoje coloquei o link de vocês no meu blog para adiantar minha chegada até seus blog.
    Uma linda tarde beijos saudades.
    Evanir..

  3. guímel says:

    Maravilhosa poesia que toca a alma.

    Beijos

Postar um comentário

Beijinhos