Távola De Estrelas: A Minha Carne É Feita De Livros

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

A Minha Carne É Feita De Livros

Postado: Luiz Sommerville Junior On sábado, junho 11, 2011 11 Carinhos de Luxo

A minha carne é feita de livros...
de histórias da carochinha
vividas no vapor da boca
que no adeus da aurora
cobriam de magia
o tormento do meu travesseiro
A minha carne é feita de livros...
encaixados à força da régua e do carimbo
do "tens que aprender a lição!"
enquanto lá fora...
a saia primaveril que vestia os meus sonhos
me inundava de interjeições...
A minha carne é feita de livros...
e rogo a quem os abriu
o milagre de jamais os fechar...
LSJ , Inverno 2008 , (c) Távola De Estrelas

11 Response for the "A Minha Carne É Feita De Livros"

  1. Dany que delicadas palavras me dizes, como é bom saber que temos pessoa que olha e nós ver.
    obrigada pela terna presença, pelo carinho,
    volte sempre querida, es uma pessoa iluminada, cheia de brilho e amor...
    estas pessoas fazem a diferença, é bom tê-la ao nosso lado. como uma estrela que guia nossos caminhos... sinalizando o encanto, a nobre palavra, que há muito deixou de ser giz.

    muito amor pra ti amiga,
    um belíssimo final de semana...
    beijo
    abraços fartos
    Eu sentei-me lentamente sobre a minha velha cadeira , e vejo-me surgir lentamente sobre os meus próprios horizontes /momentos, isto se estou lendo...sei que muito têm este sentimento, muitas vezes egoísta e solitário.
    para um poeta vale mais o silencio, o olhar, pensar, sem saber muitas vezes por que este sentimento a existência entra em êxtase, em uma jornada fugaz, os sentimentos são grandiosos, os amores mais sentidos, mais doidos, mais vividos, o poeta se expõe, se contorce, sangra, e vive da dor, da solidão e do frio que muitas vezes invade a alma, em suas busca de sair, ir...deixar-se levitar!

  2. Olá amigos,
    Lindíssimo este blog! Gostei muito daqui. O poema é encantador!
    Agradeço imensamente por serem meus
    seguidores. Apenas gostaria de pedir que deixassem um comentário em minha postagem, o que agradeço tbem de antemão.Já os estou seguindo e voltarei sempre aqui para ler mais esses versos lindos.
    Um ótimo final de semana e um grande abraço,
    Maria Paraguassu

  3. Van says:

    E que permaneçam abertos apra serem lidos compartilhados

  4. Passando para deixar um mimo ao casal pelo dia dos namorados..

    "Pouca coisa é necessária para transformar inteiramente uma vida: amor no coração e sorriso nos lábios". (Martin Luther King)

    Um beijo no coração de vocês..
    Verinha

  5. Nina, tuas palavras são sempre um bater de asas de borboleta que vem nos encantar. Obrigada, amiga, pelo teu sempre carinho.

    beijo grande e um lindo domingo!

  6. Amiga Maria, é um prazer para nós tê-la em nosso cantinho de poesia. Agradecemos teu carinho e visita.

    beijos nossos e um belo domingo para si.

  7. Querida amiga Van, tua visita é um mimo para nós. Nossa gratidão!

    beijinhos nossos!

  8. Amiga Verinha, tuas palavras são sempre carregadas de carinho. Muito obrigada pelo mimo.

    beijinhos nossos e uma linda semana para ti.

  9. Meu amor, este foi o poema que me levou até você. Um poema grandioso! Obrigada por postar aqui no nosso cantinho esta obra linda.

    te amo!

    beijinho, mon bébé!

  10. Minha querida Dani! Posso imitar-te?
    Tu és o poema que me leva a todos os livros,entendes amada? A minha carne é feita de ti!!!
    Muito,mas MUITO mesmo, agradecido pelas chaves daquele Dionísio!
    Beijo!

  11. Para todos:

    Sinceros agradecimentos por serem nossos amigos;por nos lerem e engrandecerem com as vossas queridas presenças!
    Tenham uma semana muito feliz!
    Bem-hajam!
    Tudo de bom.

Postar um comentário

Beijinhos