Távola De Estrelas: "La Danza De Las Horas"

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

"La Danza De Las Horas"

Postado: Luiz Sommerville Junior On terça-feira, setembro 16, 2014 0 Carinhos de Luxo



Quisera eleger o dia
hora,minuto,segundo e milissegundo
com infalível exactidão
da gravata preta
na qual ninguém concluirá o nó …
sobre a camisa branca
interior do terno
da mais anónima festividade
descansar em cama de sal
lençóis espraiados
no infinito de toda a erva daninha
abraçar os fractais agitados
do fogo qual dança de rua
que acalentará meu corpo
enquanto no objecto que o sustenta
(escorrendo em lágrimas de cera quente… 
quase …)
a cortina vermelha
desce ...

e …

o que fora quente, 
mais do que imolação
finalmente abarca o inverso:
-gélido
no espaço-tempo do corpo
verdadeiro
porém…
vencem os guerreiros de contra(-o-)tempo
campeões da vida
falsa…





Luíz Sommerville Junior, 160920141438





Categories: , ,

0 Response for the ""La Danza De Las Horas""

Postar um comentário

Beijinhos