Távola De Estrelas: Meu Amor

Távola De Estrelas

Poesia Do Céu Da Boca

* Sempre DS*SD erpmeS *

Távola De Estrelas, Poesia Do Céu Da Boca, Para Mastigar Devagarinho, Deve Ser Servida À Noite E Acompanhada Dum Bom Vinho Tinto...

Meu Amor

Postado: Luíz Sommerville Junior On domingo, agosto 25, 2013 0 Carinhos de Luxo


Meu amor
detesto quando banalizam o teu nome
quantas palavras chamam por ti, meu amor?
quanto o meu que é teu te faz sentir amada?
tenho horror à vulgarização do eu que te chamo
como tantos outros pseudo-poetas
que escrevem milhares de versos
iguais a outros tantos milhares de versos
que tantos outros ao longo da história já escreveram!...
E...
nestas duas palavras, meu amor
que ninguém as diz como eu
que ninguém as escuta como tu
há uma expressão tão nossa - tão tua ! -
que por mais comum que seja
por mais que biliões de pessoas
a acertem ou errem
eu não encontro outra mais bela
meu amor



À Dani com amor


Luíz Sommerville Junior, madrugada de 25082013

Imagem Paris Je T´Aime , editada por LSJ

Categories:

0 Response for the "Meu Amor"

Postar um comentário

Beijinhos